checklist aniversario infantil

Check List Aniversário Infantil: 7 Itens Essenciais!

Atividades Comemorações

Organizar uma festa infantil não é uma tarefa fácil, exigindo muita dedicação e tempo. Não importa se o evento será grande ou pequeno, ele precisa ser feito com muito cuidado. Em resumo, não adianta improvisar, é preciso ter um check list em mãos. 

Para que cada detalhe saia como nos pensamentos, é preciso pensar em cada detalhe como único. Como você está pensando em organizar a sua festa infantil? Independente do ponto em que está, vamos te ajudar a fazer o check list completo para essa festa. Está pronto?

1 – Lista de convidados 

Primeiramente, essa etapa precisa começar um bom tempo antes da festa de fato, de preferência quatro meses antes. Ou seja, antes de qualquer coisa, é preciso definir a lista de convidados da festa do seu filho. Isso ajudará a ter dimensão do tamanho do evento. 

Para saber quantas pessoas convidar, precisa ter em mente se a festa será em casa ou em outro lugar. Se for em um local de festa, pode ser que o espaço seja suficiente para englobar mais pessoas. Em contraste, em casa o número de convidados pode ser limitado. 

Para calcular o número de convidados, deve se pensar na idade das crianças. Em resumo, crianças de até cinco anos de idade sempre vão à festa acompanhadas de seus pais. Para esses convidados, o número de presentes é em dobro: os filhos e um dos seus pais. 

O número de convidados poderá definir o tipo de comida que será servido na festa. Caso não haja cadeiras e mesas suficientes para todos os presentes, por exemplo, pode-se optar por comidas que não precisem de talheres, como salgadinhos que podem ser servidos individualmente. 

Leia também:  Frases de Apresentação de Bebe na Igreja: 22 Exemplos Prontos!

Em síntese, a lista de convidados guiará praticamente todos os outros passos, então ela é de extrema presença. 

2 – Espaço da festa

Como já foi dito no tópico anterior, junto a lista de convidados, é preciso definir onde a festa irá acontecer. Ela será feita em sua casa (dentro da casa ou no quintal?), ou em um local de festa. Isso irá ajudar a delimitar o número de convidados também. 

Além disso, se a escolha for em um local de festa, também é possível terceirizar a tarefa de organizar a festa. 

Organizar a festa, seguindo por conta própria todo esse check list é muito mais econômico, mas em contraste, exige muito mais trabalho. Quem pensar em terceirizar a função, pode pedir conselhos de amigos que já usaram o serviço para saber quais são os melhores. 

3 – Temática 

Do que a criança mais gosta? Isso é de extrema importância para conseguir definir qual será a temática da festa. Isso deve ser pensado de acordo com a idade da criança. Até os dois anos de idade, o tema pode ser mais genérico. Dos três anos para a frente, deve ser levado em consideração o gosto do pequeno. 

Acima dos seis anos de idade, o gosto pessoal da criança é levado ainda mais em consideração. 

O quanto antes a temática for definida, melhor será, uma vez que poderá a começar a ser pensado a decoração, o convite e as lembrancinhas que serão entregues aos convidados. 

4 – Decoração 

Decidido quantos serão os convidados, o local da festa e a temática, está na hora de pensar na decoração. Nesse momento você mesmo pode escolher entre fazer a própria decoração da festa ou contratar um decorador. Em resumo, esse profissional vai cuidar de toda a decoração. 

Leia também:  Passaporte para Bebê: O Que Precisa e Como Tirar

Independente da escolha, é necessário fazer uma decoração com o máximo de criatividade possível. O seu filho vai amar o resultado do seu esforço. Não se esqueça que a decoração precisa ser pensada de acordo com o tema escolhido para a festa da criança. 

5 – Convites

O convite deve ser enviado, pelo menos, um mês antes do evento em si. Todos podem ser entregues ainda antes, principalmente se os convidados morarem ainda mais longe. 

Na hora de confeccionar o convite, lembre que estamos falando de uma festa infantil. Ou seja, capriche para que o convite seja muito atrativo. Pode abusar das cores. 

Dê preferência para usar a temática da festa para conseguir chamar ainda mais atenção. Além disso, isso funciona para que os convidados se sintam à vontade para guardar como recordação.

6 – Lembrancinhas 

A lembrancinha será usada como algo de recordação para os seus convidados. De preferência de lembrancinhas que também pode funcionar para as crianças depois da festa. 

Para fazer a lembrancinha, é preciso levar em consideração tanto a temática da festa quanto a idade das crianças presentes em questão. 

7 – Definição do cardápio 

Tudo pronto, é preciso pensar no que será servido aos convidados. Para festas infantis, comidas atraentes são sempre as mais escolhidas, como salgadinhos, doces, sanduíches e mini pizzas. 

Mas também é uma opção ir por caminhos menos óbvios. Quer um tipo de cardápio diferente? Que tal comidas saudáveis? Elas precisam ter atrativos para as crianças, como frutas no espeto. 

Não se esqueça de incluir nos cardápios sucos, assim como refrigerantes e água. Também é interessante ter bebidas alcoólicas para os adultos. 

Leia também:  47 Frases Sobre Infância: Inspire-se!

Enfim, para calcular o quanto de comes e bebes deverá conter na festa, deve-se pensar em uma média de 15 unidades de salgados, seis unidades de doces, 150 g de bolo, 500 ml de água, 500 ml de suco e de refrigerante e três latinhas de cerveja por pessoa.

Lembrando que para essa conta em questão, são consideradas apenas crianças acima dos seis anos de idade. 

Número de convidados, local da festa, temática, decoração, convites, lembrancinhas e cardápio. Pronto, esse é o check list ideal para pensar na festa do seu filho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *